domingo, 8 de dezembro de 2013

BATISTA ESCREVE "MINHA INDIGNAÇÃO"


MINHA INDIGNAÇÃO Estou em Rio Branco e durante todo o dia recebi informações de amigos e moradores dos bairros, que estou sendo execrado por três vereadores e um presidente de bairro. As agressões têm objetivos sórdidos. 1. Querem criar um fato na véspera do julgamento de um processo movido pela senhora Marilete e Chico Batista, Derrotados nas urnas. Ao mesmo tempo, desviar a atenção do escândalo do dinheiro desviado na véspera da eleição, que seria para construção de uma escola para as crianças do bairro da praia. 2. Estamos terminando o ano com a cidade mais limpa, iluminada, com serviço acelerado de recuperação das ruas. Ano passado terminou, com a cidade na escuridão, toda destruída, nada foi feito para a chegada do natal e ano novo. Não houve clima de paz nem no cemitério, que ficou coberto de mato e na escuridão. 3. Este ano não findará com salários atrasados e certamente, o pagamento do décimo terceiro salário estará sendo efetuado no próximo dia 12. Além disso, renegociamos a divida que herdamos e tiramos a prefeitura da inadimplência. 4. Incluímos mais de 1.000 famílias no programa bolsa família e vamos fechar o ano com mais 700 pessoas capacitadas em cursos profissionalizantes. 5. Até onde sei, vamos terminar 2013 sem escândalos de corrupção. Se alguém conhece, denuncie a justiça que eu sou o mais interessado. 6. Em relação as covardias e infames dirigida contra mim, aconselho aos caluniadores que preparem suas provas porque terão que provar na justiça. Irei processar todos! 7. Sobre a manifestação que vão fazer amanha, sintam-se a vontade, se estivesse em Tarauacá não teria nenhum temor de ir ouvir. 8. Todas as pessoas de boa fé sabem dos meus esforços para fazer o melhor que posso para que possamos avançar nas conquistas sociais em beneficio da nossa gente. 9. Digo para as pessoas que conhecem e respeita minha história de vida, nenhuma das acusações covardes ficará sem resposta. Responderei com a verdade. Por fim me dirijo aos Senhores Roberto Freire, Jesus Sergio, Mirabor Leite e Gilson Amorim. Minha vida publica não tem manchas. O patrimônio maior que possuo, hoje vocês tentaram de forma rasteira e covarde, atingir. Vocês não têm noção da minha indignação, não sei se vocês sabe o valor de uma honra. No mais, conversaremos na justiça

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não permitiremos comentários agressivos que desrrespeitem a vida pessoal das pessoas.